Don't Miss

Temer volta a descartar saída do governo: “Se quiserem, me derrubem”

By on 22 de maio de 2017

No centro de um escândalo político depois da delação da JBS, o presidente Michel Temer (PMDB) voltou a afirmar que não vai deixar o governo. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, o peemedebista disse que a renúncia seria “admissão de culpa” e provocou oposicionistas. “Agora, mantenho a serenidade, especialmente na medida em que eu disse: eu não vou renunciar. Se quiserem, me derrubem, porque, se eu renuncio, é uma declaração de culpa”, afirmou. A declaração foi publicada nesta segunda-feira (22).

Temer afirmou ainda que não se sente “politicamente perdido”. “Eu vou revelar força política precisamente ao longo dessas próximas semanas com a votação de matérias importantes. Tenho absoluta convicção de que consigo. É que criou-se um clima que vai ser um desastre, de que o Temer está perdido. Eu não estou perdido”, destacou. O presidente disse também que a regra que ele estabeleceu de afastar ministros que se tornarem réus, não é válida para ele.

O presidente é alvo de inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) por suspeita de corrupção passiva, obstrução à Justiça e organização criminosa. Há ainda um pedido de impeachment que será apresentado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com